quinta-feira, 28 de junho de 2012

Leonor Pinhão lança criticas à imprensa portuguesa


«(...) Na segunda-feira, a UEFA nomeou o turco Cuneyt Çakir para dirigir o Portugal-Espanha e na terça-feira toda a imprensa fez grande alarido com a decisão da UEFA, obviamente para nos tramar. 

É garantido que o árbitro, sendo turco, vem mesmo a calhar para as pretensões dos dois homens que mandam na arbitragem europeia, o espanhol Angel Vilar e um outro turco, um tal Senes Erzik, duas raposas velhas do Comité Executivo da UEFA onde ambos ocupam cadeiras - lado a lado - há mais de vinte anos. 

Enfim, são todos muito amigos e venerandos dos desejos de uns e de outros. 

É o que se depreende. Conclusão: já fomos. 

O jogo ainda não tinha começado e a nosso fado já tinha sido traçado. 

Bandidos! Bandidos do estrangeiro, esclereça-se, porque no nosso país não há coisas destas e se houvesse teríamos uma imprensa independente, frontal, corajosa e ágil no raciocínio para desmontar semelhantes tramoias perante o grande público. 

Só em Portugal é que, de facto, nunca há nomeações polémicas de árbitros, nem dirigentes mal-intencionados, nem compadrios que mereçam ser desvendados, nem árbitros sugestionáveis, nem jogos de poder, nem outras malandrices. 

Pelo menos é o que parece porque nunca foi vista tanta indignação da imprensa com a nomeação de um árbitro dos nossos para os jogos dos nossos. Ainda bem. É sinal que é tudo boa gente. 

Isto da Seleção faz descambar para a breguice até as pessoas mais insuspeitas. 

O árbitro turco, afinal, foi impecável. Fez o seu trabalhinho como devia ser. 

A Seleção portuguesa também esteve bem sobretudo se, olhando para todos os jogadores em campo, a considerarmos como uma espécie de Real Madrid B.

Com Ronaldo, Coentrão e Pepe sempre em grande e os companheiros, nuns patamares abaixo, a acompanhar bem os melhores jogadores da equipa.

Nas grandes penalidades é que a coisa não correu bem. Mas foi uma bonita aventura.» 

- Leonor Pinhão, jornal A Bola, 28 de Junho de 2012

2 comentários:

  1. Que grande artigo !!!!

    Leonor Pinhão no seu melhor...corrosiva !!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tu nem aos calcahares dela lhe chegas

      Eliminar

Caro(a) Benfiquista,

Agradecemos a sua visita e solicitamos, antes de sair do blog, que deixe um comentário acerca do que acabou de ler.

O debate é livre, por isso tenha a gentileza de participar com educação, elevação, civismo e respeito pelos demais visitantes.

Só assim honraremos a história Grandiosa do nosso amado Clube!