sexta-feira, 8 de junho de 2012

António-Pedro Vasconcelos diz que a FPF continua sem acertar no treinador e apelida a selecção como a "equipa das esquinas"


1. A nomeação de Tiago Craveiro, conhecido no meio como o "cachecol do Porto", para assessor de Fernando Gomes na FPF (um mero tirocínio para chegar a secretário-geral) é uma provocação, não apenas ao Benfica, mas a todos os clubes que se batem pela verdade desportiva. 

No ano passado, depois de, na época anterior, o Benfica ter sido descaradamente prejudicado pelas arbitragens, Vieira decidiu, num gesto de pacificação, não comentar as arbitragens, e esse silêncio foi aproveitado para branquear um campeonato viciado. 

O Benfica não pode deixar que a boa fé do seu presidente seja usada contra os interesses do clube. É altura de concluir que o benefício da dúvida dado a FG acabou. 

2. Em Itália, a Justiça desportiva voltou a atuar. Num país que foi, e ainda é, o berço da Máfia, não admira que a corrupção campeie em todas as áreas, e por maioria de razão no futebol, que envolve muito dinheiro. 

O problema em Portugal não é da corrupção (que existe onde houver homens, e estiverem em jogo dinheiro e poder), mas da impunidade da corrupção. 

Em Itália, a Justiça desportiva funciona. 

3. Portugal tem 4 dos melhores treinadores do Mundo: Mourinho, Fernando Santos, Jorge Jesus e José Peseiro. 

Os dois primeiros já passaram pelo Benfica, mas foram dispensados. JJ, felizmente, mantém-se. 

JP, sete anos depois de ter saído do Sporting (onde esteve à beira de ganhar tudo), acaba de ser contratado para substituir Leonardo Jardim no SC Braga - uma forma de ver finalmente reconhecido o seu valor emPortugal. 

4. A “equipa das quinas” mais parece “a equipa da esquina”. 

Depois de Scolari e Queiroz, a FPF continua a não acertar com o treinador. 

Os portugueses bem precisavam de uma injeção de autoestima, mas a seleção de Bento não convence ninguém e o comportamento da equipa não ajuda. 

Resta-nos a Grécia, um povo com quem devemos ser solidários (mesmo se nos roubou o Euro, em 2004).

Se falharmos, por excesso de confiança e escassez de talento, vou torcer pelos gregos, que são comandados por um grande senhor do futebol: Fernando Santos. Se não nos sair a taluda, que nos saia a terminação.» 

- António Pedro Vasconcelos, jornal Record, 7 de Junho de 2012

1 comentário:

  1. Olá!

    Podemos fazer uma troca de links entre blogues por favor?

    O meu é: http://davidjosepereira.blogspot.pt/

    Muito Obrigado!

    Depois passem pelo meu a confirmar a troca, para eu também adicionar o vosso blogue aos meus links.

    ResponderEliminar

Caro(a) Benfiquista,

Agradecemos a sua visita e solicitamos, antes de sair do blog, que deixe um comentário acerca do que acabou de ler.

O debate é livre, por isso tenha a gentileza de participar com educação, elevação, civismo e respeito pelos demais visitantes.

Só assim honraremos a história Grandiosa do nosso amado Clube!